Filme A Vizinhança do Tigre vence Mostra de Tiradentes

Filme A Vizinhança do Tigre vence Mostra de Tiradentes

 

Por Adriano Garrett, de Tiradentes

 

O filme A Vizinhança do Tigre, de Affonso Uchoa, foi o grande vencedor da 17ª Mostra de Cinema de Tiradentes. Em cerimônia realizada na noite de sábado (1) na cidade mineira, a obra de Uchoa recebeu os prêmios de melhor filme da Mostra Aurora (seção competitiva que traz longas de realizadores em início de carreira) pelo Júri da Crítica e pelo Júri Jovem. Já Branco Sai Preto Fica, de Adirley Queirós, recebeu menção honrosa dos dois grupos de jurados.

A Vizinhança do Tigre foi filmado ao longo de cinco anos na periferia da cidade de Contagem (MG). A obra é definida por seu diretor como de ficção, mas se relaciona com o documentário ao criar uma narrativa a partir das experiências pessoais de seus personagens, que trabalharam no roteiro e reencenaram situações ligadas a suas vidas pessoais.

O cineasta Affonso Uchoa dedicou os prêmios recebidos a dois jovens que atuam no seu filme: Eldo, que morreu de tuberculose, e Juninho, que atualmente está preso. Segundo Uchoa, o convívio com os meninos que contracenam no longa mudou a sua vida.

“Eu queria agradecer com muita sinceridade a essas duas pessoas que não puderam estar aqui. Esse prêmio é para vocês, esse filme é para vocês. A existência dessas pessoas juntas, essa comunidade que a gente inventou para fazer esse filme, também é para vocês”, disse Uchoa no palco do Cine Tenda.

Curtas

Na competição de curtas-metragens da Mostra Foco o vencedor do prêmio de melhor filme pelo Júri da Crítica foi o filme paulista E, de Alexandre Wahrhaftig, Helena Ungaretti e Miguel Antunes Ramos. O filme fala sobre a transformação urbanística da cidade de São Paulo através de um olhar particular para locais que se tornaram estacionamentos.

Coice No Peito, de Renan Rovida, recebeu menção honrosa do Júri da Crítica, enquanto que o Prêmio Canal Brasil foi para o filme Quinze, de Maurílio Martins. Veja a seguir todos os premiados da 17ª Mostra de Cinema de Tiradentes.

 

Melhor Filme da Mostra Aurora (longas-metragens) – Júri da Crítica: A Vizinhança do Tigre, de Affonso Uchoa (com menção honrosa para Branco Sai Preto Fica, de Adirley Queirós)

Melhor Filme da Mostra Aurora (longas-metragens) – Júri Jovem: A Vizinhança do Tigre, de Affonso Uchoa (com menção honrosa para Branco Sai Preto Fica, de Adirley Queirós)

Melhor Filme da Mostra Foco (curtas-metragens) – Júri da Crítica: E, de Alexandre Wahrhaftig, Helena Ungaretti e Miguel Antunes Ramos (com menção honrosa para Coice No Peito, de Renan Rovida)

Melhor Longa-Metragem pelo Júri Popular: Cidade de Deus – 10 Anos Depois, de Cavi Borges e Luciano Vidigal

Melhor Curta-Metragem pelo Júri Popular: Diários Daltônicos, de Patrícia Monegatto

Prêmio Canal Brasil (curta-metragem): Quinze, de Maurílio Martins

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*