Críticos de Boston e Washington premiam 12 Years a Slave

Críticos de Boston e Washington premiam 12 Years a Slave

 

O início da temporada de premiações cinematográficas dos EUA é marcado pelas escolhas realizadas por grupos de críticos de cinema de diferentes regiões. Depois de ter sido preterido pelos profissionais de Nova York e pelo National Board of Review, o filme 12 Years a Slave, de Steve McQueen, foi premiado pelos críticos de Boston e Washington. A obra, que ainda não tem previsão de estreia no circuito comercial brasileiro, conta a história de um homem negro livre que é capturado no norte dos EUA e se torna um escravo no sul do país.

Em outra premiação, a dos críticos de Los Angeles, o prêmio principal foi dividido entre os filmes Gravidade, de Alfonso Cuarón, e Ela, de Spike Jonze. O filme de Cuarón já estreou nos cinemas brasileiros, enquanto que a obra de Jonze está prevista para ser lançada aqui em fevereiro do ano que vem.

Veja a seguir os principais premiados pelos críticos de Boston, Washington e Los Angeles.

 

Boston Society of Film Critics

Melhor Filme – 12 Years a Slave, de Steve McQueen

Melhor Diretor – Steve McQueen, por 12 Years a Slave

Melhor Ator – Chiwetel Ejiofor, por 12 Years a Slave

Melhor Atriz – Cate Blanchett, por Blue Jasmine

Melhor Roteiro – Nicole Holofcener, por À Procura do Amor

Melhor Documentário – O Ato de Matar, de Joshua Oppenheimer

Melhor Animação – The Wind Rises, de Hayao Miyazaki

Melhor Filme em Língua Estrangeira – O Sonho de Wadjda, de Haifaa Al-Mansour

 

Washington Film Critics Association

Melhor Filme – 12 Years a Slave, de Steve McQueen

Melhor Diretor – Alfonso Cuarón, por Gravidade

Melhor Ator – Chiwetel Ejiofor, por 12 Years a Slave

Melhor Atriz – Cate Blanchett, por Blue Jasmine

Melhor Roteiro Adaptado – John Ridley, por 12 Years a Slave

Melhor Roteiro Original – Spike Jonze, por Ela

Melhor Documentário – Blackfish, de Gabriela Cowperthwaite

Melhor Animação – Frozen, de Chris Buck e Jennifer Lee

Melhor Filme em Língua Estrangeira – The Broken Circle Breakdown, de Felix Van Groeningen

 

Los Angeles Film Critics Association

Melhor Filme – Gravidade, de Alfonso Cuarón, e Ela, de Spike Jonze

Melhor Diretor – Alfonso Cuarón, por Gravidade

Melhor Ator – Bruce Dern, por Nebraska

Melhor Atriz – Cate Blanchett, por Blue Jasmine, e Adèle Exarchopoulos, por Azul É a Cor Mais Quente

Melhor Roteiro – Richard Linklater, Julie Delpy e Ethan Hawke, por Antes da Meia-Noite

Melhor Documentário – Stories We Tell, de Sarah Polley

Melhor Animação – Ernest & Célestine, de Stéphane Aubier, Vincent Patar e Benjamin Renner

Melhor Filme em Língua Estrangeira – Azul É a Cor Mais Quente, de Abdellatif Kechiche

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*