12 Years a Slave lidera indicações a premiação de filmes independentes

12 Years a Slave lidera indicações a premiação de filmes independentes

 

O filme 12 Years a Slave, de Steve McQueen, recebeu o maior número de indicações ao 29º Independent Spirits Awards, premiação voltada a produções independentes que está marcada para o dia 1º de março de 2014. A obra de McQueen, que conta a história de um homem negro livre que é capturado no norte dos EUA e se torna um escravo no sul do país, está concorrendo em sete categorias, entre elas melhor filme, diretor, roteiro, ator (Chiwetel Ejiofor), ator coadjuvante (Michael Fassbender) e atriz coadjuvante (Lupita Nyong’o).

O longa-metragem, que foi exibido no último Festival do Rio e ainda não tem previsão de estreia no circuito comercial brasileiro, concorre na categoria principal com Frances Ha, de Noah Baumbach; All Is Lost, de J. C. Chandor; Inside Llewyn Davis, de Joel e Ethan Coen; e Nebraska, de Alexander Payne.

O anúncio das indicações para o Independent Spirits Awards é o pontapé inicial para a temporada de premiações cinematográficas nos EUA, que terá seu momento mais importante com a cerimônia do Oscar, em 2 de março do ano que vem.

Veja a seguir todos os indicados ao prêmio.

 

Melhor Filme de Ficção

12 Years a Slave, de Steve McQueen

All Is Lost, de J.C. Chandor

Frances Ha, de Noah Baumbach

Inside Llewyn Davis, de Joel e Ethan Coen

Nebraska, de Alexander Payne

 

Melhor Diretor

Shane Carruth, por Upstream Color

J.C. Chandor, por All Is Lost

Steve McQueen, por 12 Years a Slave

Jeff Nichols, por Amor Bandido

Alexander Payne, por Nebraska

 

Melhor Roteiro

Woody Allen, por Blue Jasmine

Julie Delpy, Ethan Hawke & Richard Linklater, por Antes da Meia-Noite

Nicole Holofcener, por Enough Said

Scott Neustadter e Michael H. Weber, por The Spectacular Now

John Ridley, por 12 Years a Slave

 

Melhor Primeiro Filme de Ficção

Blue Caprice, de Alexandre Moors

Concussion, de Stacie Passon

Fruitvale Station, de Ryan Coogler

Una Noche, de Lucy Mulloy

O Sonho de Wadjda, de Haifaa Al Mansour

 

Melhor Primeiro Roteiro

Lake Bell, por In A World

Joseph Gordon-Levitt, por Como Não Perder Essa Mulher

Bob Nelson, por Nebraska

Jill Soloway, por Afternoon Delight

Michael Starrbury, por The Inevitable Defeat of Mister and Pete

 

Prêmio John Cassavettes (dado ao melhor filme realizado com um orçamento menor que 500 mil dólares)

Computer Chess, de Andrew Bujalski

Crystal Fairy, de Sebastiàn Silva

Museum Hours, de Jem Cohen

Pit Stop, de Yen Tan

This is Martin Bonner, de Chad Hartigan

 

Melhor Atriz 

Cate Blanchett, por Blue Jasmine

Julie Delpy, por Antes da Meia-Noite

Gaby Hoffmann, por Crystal Fairy

Brie Larson, por Short Term 12

Shailene Woodley, por The Spectacular Now

 

Melhor Ator

Bruce Dern, por Nebraska

Chiwetel Ejiofor, por 12 Years a Slave

Oscar Isaac, por Inside Llewyn Davis

Michael B. Jordan, por Fruitvale Station

Matthew McConaughey, por Dallas Buyers Club

Robert Redford, por All Is Lost

 

Melhor Atriz Coadjuvante

Melonie Diaz, por Fruitvale Station

Sally Hawkins, por Blue Jasmine

Lupita Nyong’o, por 12 Years a Slave

Yolonda Ross, por Go For Sisters

June Squibb, por Nebraska

 

Melhor Ator Coadjuvante

Michael Fassbender, por 12 Years a Slave

Will Forte, por Nebraska

James Gandolfini, por Enough Said

Jared Leto, por Dallas Buyers Club

Keith Stanfield, por Short Term 12

 

Melhor Fotografia

Sean Bobbitt, por 12 Years a Slave

Benoit Debie, por Spring Breakers

Bruno Delbonnel, por Inside Llewyn Davis

Frank G. DeMarco, por All Is Lost

Matthias Grunsky, por Computer Chess

 

Melhor Montagem

Shane Carruth e David Lowery, por Upstream Color

Jem Cohen e Marc Vives, por Museum Hours

Jennifer Lame, por Frances Ha

Cindy Lee, por Una Noche

Nat Sanders, por Short Term 12

 

Melhor Documentário

20 Feet From Stardom, de Morgan Neville

After Tiller, de Martha Shane & Lana Wilson

Gideon’s Army, de Dawn Porter

The Act of Killing, de Joshua Oppenheimer

The Square, de Jehane Noujaim

 

Melhor Filme Estrangeiro 

Um Toque de Pecado (China), de Jia Zhang-Ke

Azul É a Cor Mais Quente (França), de Abdellatif Kechiche

Gloria (Chile), de Sebastián Lelio

A Grande Beleza (Itália), de Paolo Sorrentino

A Caça (Dinamarca), de Thomas Vinterberg

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*