Mostra de São Paulo: Filmes sobre relações maternas

Mostra de São Paulo: Filmes sobre relações maternas

 

(clique nos títulos para ver as sessões dos filmes na Mostra)

 

JACKIE (JACKIE)

2012 │ 96 min. │ Ficção

Países: Holanda e EUA

Direção: Antoinette Beumer

Sinopse: As irmãs gêmeas Sofie e Daan foram criadas por seus dois pais. Quando elas recebem um telefonema inesperado dos Estados Unidos de sua até então desconhecida mãe biológica Jackie, elas embarcam numa jornada que modifica tudo o que acreditavam ser verdade. A viagem com a estranha e desajustada Jackie mudará a vida de Sofie e Daan para sempre.

 

PELO MALO

2013 │ 95 min. │ Ficção

País: Venezuela

Direção: Mariana Rondón

Sinopse: Junior é um menino de nove anos que tem “cabelo ruim”. Ele quer alisá-lo para sua foto no álbum de formatura para ficar parecido com um cantor famoso. Isso o coloca em desacordo com sua mãe, Marta. Quanto mais Junior tenta se apresentar melhor pelo amor de sua mãe, mais ela o rejeita, até que ele é encurralado, cara a cara, com uma decisão dolorosa.

 

CHILD’S POSE (POZITIA COPILULUI)

2012 │ 112 min. │ Ficção

País: Romênia

Direção: Calin Peter Netzer

Sinopse: Cornelia tem 60 anos e é infeliz. Seu filho Barbu, de 34 anos, luta para se tornar independente. Ele saiu de casa, tem seu próprio carro, tem uma namorada que não é bem aceita por Cornelia e, acima de tudo, evita ao máximo a mãe amorosa. Quando Cornelia descobre que Barbu se envolveu num trágico acidente, seus instintos maternais a levam a fazer de tudo para salvá-lo da prisão. Ela espera então que ele volte a ser o filho dependente de antes. Vencedor do Urso de Ouro e do Prêmio da Crítica no Festival de Berlim.

 

COMO DESCREVER UMA NUVEM (HOW TO DESCRIBE A CLOUD)

2013 │ 80 min. │ Ficção

País: Holanda

Direção: David Verbeek

Sinopse: Quando a mãe de Liling fica cega, sua filha volta para a pequena ilha de onde veio. Por meio da linguagem, ela tenta conectar a sua mãe com o mundo novamente. Na cidade, onde começa uma amizade incomum com um artista mais velho, ela se torna mais consciente do valor de sua imaginação. Isso aumenta sua atração pelo inexplicável, mergulhando-a num mundo pleno de mistérios.

 

NUNCA MORRER (MAI MORIRE)

2012 │ 84 min. │ Ficção

País: México

Direção: Enrique Rivero

Sinopse: Chayo retorna à sua cidade natal para cuidar de sua mãe idosa. Cercada pelo amor e pela sublime beleza, Chayo tem que desistir de algo que, como mulher e mãe, é inalienável. Esse será o preço de sua liberdade.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*