Crítica internacional premia filme brasileiro em Berlim

Crítica internacional premia filme brasileiro em Berlim

 

O longa-metragem brasileiro Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, de Daniel Ribeiro, foi eleito nessa sexta-feira (14) pela Federação Internacional de Críticos de Cinema (Fipresci) o melhor filme da Mostra Panorama, segunda mais importante do Festival de Berlim (só perdendo para a competição oficial). A obra de Ribeiro ainda concorre ao prêmio concedido pelo júri oficial.

Hoje Eu Quero Voltar Sozinho tem como base a mesma história do curta-metragem Eu Não Quero Voltar Sozinho. O longa, que tem estreia prevista para o dia 28 de março nos cinemas brasileiros, é protagonizado por Leonardo (Ghilherme Lobo), um adolescente cego que busca a independência e descobre mais sobre sua sexualidade ao se apaixonar por um colega de classe.

Na competição oficial, na qual concorre o filme brasileiro Praia do Futuro, de Karim Aïnouz, a Fipresci premiou Aimer, Boire et Chanter (Amar, Beber e Cantar, em tradução livre), novo trabalho do veterano diretor francês Alain Resnais. Os premiados do júri, tanto da competição oficial como das mostras paralelas, serão conhecidos nesse sábado (15).

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*