A cerimônia de encerramento da 13ª CineBH – Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte e do 10º Brasil CineMundi – Encontro Internacional de Coprodução aconteceu na noite de domingo (22) no Teatro Sesiminas, com o anúncio dos projetos vencedores do programa de coprodução. Durante a última semana, foram realizadas 279 rodadas de one-on-one meetings e 22 consultorias na Central do Cinema, localizada no Palácio das Artes, onde 44 produtores e diretores, representantes de 22 projetos, apresentaram suas ideias aos 25 convidados de 16 países.

O projeto ganhador na categoria CineMundi foi “Sião”, da produtora Joyce Prado, com direção de Bruno Ribeiro e inscrito pela Oxalá Filmes. Ele foi escolhido pelos jurados Eduardo Villalobos – produtor executivo da Molotov Cine e diretor de Indústria da BioBioCine (Chile); Janaina Oliveira – curadora, programadora de festivais e coordenadora da Ficine (Brasil); e Leila Bourdoukan – produtora cultural (Brasil).

“Sião” levou o Troféu Horizonte e ganhou prêmios dos parceiros da 13ª CineBH: Prêmio Edina Fujii – Naymar/ CiaRio (R$ 15.000 em serviços de iluminação, acessórios e maquinaria), CTAv (empréstimo de câmera digital SI-2K ou Black Magic e acessórios por quatro semanas), DOT (R$ 15.000 em serviços de finalização), MISTIKA (R$ 15.000 em serviços de pós-produção) e PARATI FILMS (tradução de roteiro para o francês). Além disso, a produtora Joyce Prado ganhou uma vaga no Proyecta na próxima edição do Ventana Sur, a ser realizado na Argentina em dezembro de 2019.

Na categoria Doc Brasil Meeting, o vencedor foi “Dragões da Independência”, com produção de Julia Murat e Otávio de Castro Domingues, dirigido por Miguel Ramos, inscrito pela empresa Esquina Produções Artísticas. O projeto recebe prêmios dos parceiros da 13ª CineBH: Prêmio Edina Fujii – Naymar/ CiaRio (R$ 10.000 em serviços de iluminação, acessórios e maquinaria), CTAv (empréstimo de câmera digital SI-2K ou Black Magic e acessórios por quatro semanas).

“Dragões da Independência”, conquistou ainda o prêmio do DocMontevideo, definido pelo diretor executivo Luis González Zaffaroni, que garante a um produtor o acesso aos encontros e workshop da próxima edição do evento no Uruguai em julho de 2020.

A 10ª edição do Brasil CineMundi contou com três novas e inéditas parcerias, numa expansão da cooperação e intercâmbio do programa com importantes eventos do mercado internacionais: BioBioCine (Chile), Conecta (Chile) e Projeto Paradiso (Brasil).

Um dos produtores (Bruno Greco e Jacson Dias) do projeto “Tempestade Ninja”, dirigido por Higor Gomes e inscrito pela Ponta de Anzol Filmes, foi selecionado por Eduardo Villalobos, diretor da área de Formação e Indústria do Festival Biobiocine, para participar do Encuentros BioBioCine 2020 – encontro da indústria do BioBioCine Festival Internacional de Cinema, a ser realizado em abril de 2020, em Concepción, no Chile. O produtor receberá passagens, hospedagem e alimentação oferecidas pelo Festival.

“Tempestade Ninja” também foi o projeto de ficção selecionado para integrar a Incubadora Paradiso 2020, programa do Projeto Paradiso, mantido pelo Instituto Olga Rabinovich, iniciativa de apoio aos talentos do audiovisual brasileiro. A seleção foi realizada pela comissão constituída pelo Projeto Paradiso para este fim. Higor Gomes roteirista selecionado para a Incubadora, receberá uma bolsa no valor total de R$ 30.000 (R$ 5.000 mensais), além de mentorias, doctoring, consultorias em desenho de audiência, incentivos para a inserção no circuito internacional e outros apoios adequados às necessidades de cada perfil.

Confira a lista completa com os premiados.

 

PRÊMIO BRASIL CINEMUNDI

Projeto: “Sião”

Diretor: Bruno Ribeiro

Produtora: Joyce Prado

Empresa produtora: Oxalá Produções

 

TORINO FILM LAB

Projeto: “Terremoto Mãe”

Diretores: Will Domingos

Produtora: Aline Mazzarella

Empresa produtora: Estúdio Giz

 

PRÊMIO MAFF

Projeto: “Princesa”

Diretora: Karine Teles

Produtores: Tatiana Leite, Thiago Macêdo Correia

Empresa produtora: Bubbles Project

 

DOC MONTEVIDEO

Projeto: “Dragões da Independência”

Diretor: Miguel Ramos

Produtores: Julia Murat e Otávio de Castro Domingues

Empresa produtora: Esquina Produções Artísticas

 

DOCSP

Projeto: “Ausente”

Diretor: Ana Carolina Soares

Produtor: Denise Flores

Empresa produtora: A Itinerante Filmes

 

ENCUENTROS BIOBIOCINE 2020

Projeto: “Tempestade Ninja”

Diretor: Higor Gomes

Produtores: Bruno Greco, Jacson Dias

Empresa produtora: Ponta de Anzol Filmes

 

CONECTA – CHILE

Projeto: “É Tudo Parente”

Diretor: Mariana Fagundes

Produtor: André Hallak

Empresa produtora: Noctua Ideias e Conteúdo

 

PRÊMIO INCUBADORA PARADISO 2020

Projeto: “Tempestade Ninja”

Diretor: Higor Gomes

Produtor: Bruno Greco, Jacson Dias

Roteirista: Higor Gomes

Empresa produtora: Ponta de Anzol Filmes

 

FOCO MINAS

Projeto: “Ausente”

Diretor: Ana Carolina Soares

Produtora: Denise Flores

Empresa produtora: A Itinerante Filmes